Pula – Croácia: uma cidade a ser conhecida

Quando estávamos elaborando o roteiro para a Croácia, fizemos uma análise geral de cidades que visitaríamos e em que ordem. Pelas informações coletadas, decidimos que tentaríamos visitar todas as quatro regiões históricas da Croácia: Croácia, Eslovênia, Ístria e Dalmácia.

 

Por que Pula:

– É a maior cidade da Ístria;

– Possui ruínas do Império Romano;

–  Está a uma distância confortável de Zagreb (270 km) e dos Lagos Plitvice (260km);

Forum-Templodeaugustoecommunalpalace-prefeituraPulaCroácia
Praça Fórum: Templo de Augusto e Communal Palace (prefeitura)

Enfim, nos pareceu uma boa escolha e nos permitia ter flexibilidade de decidir se faríamos Zagreb- Pula ou Lagos Plitvice – Pula. Optamos pelo primeiro trajeto e fizemos a distância em uma confortável viagem de ônibus (o concierge do Esplanade de Zagreb disse que o trem levaria mais tempo e teríamos que fazer uma baldeação no meio do caminho). Os Lagos Plitvice foram feitos em um day tour a partir de Zagreb.

 

Nossas impressões sobre a cidade foram:

– A população se esforça bastante para receber turistas: são muito solícitos, prestativos e simpáticos.

–  A cidade está investindo na criação de um polo turístico: criaram um mapa que parece facilitar a vida do turista (mas não facilita, ver post Roteiro detalhado por Pula – Croácia)

– É uma cidade pequena e que poderia ser visitada num day tour de cidades próximas como Rovinj (40km)

Rua principal Pula Croácia.jpg
Rua principal da cidade velha de Pula – Croácia

 

Como chegar em Pula

Estávamos em Zagreb e a ideia inicial era cobrir o trajeto Zagreb – Pula de trem. Conversando com o concierge do hotel Esplanade, foi nos recomendado a utilização de ônibus que pegamos na rodoviária de Zagreb. Mais detalhes veja em: “Zagreb: a capital mais limpa que você já viu”.

Chegamos na (pequena) rodoviária de Pula na hora do almoço (uma viagem de 4 horas de Zagreb e ao custo de 150 kunas por pessoa – 20 eu – junho/2016) e logo pegamos um táxi (ficam bem visíveis no estacionamento da rodoviária) que nos levou ao Hotel Galija. A cidade também é acessível por ferry boats vindos da Itália e possui um pequeno aeroporto que recebe voos locais e internacionais. Há um outro “aeroporto” localizado na Riva de Pula (área portuária) com pequenos voos feitos em hidroavião pela European Coastal Airlines.

Ladeiras de Pula croácia.jpg
Ladeiras em Pula – Croácia

Assim que deixamos as malas no Hotel Galija (2 lances de escadas estreitas) saímos para explorar a cidade. Seguimos o roteiro detalhado no post “Roteiro detalhado por Pula – Croácia”. Finalizamos o dia com um sorvete na gelateria Fortuna (Istarska ulica 18): as mesas ficam dispostas na praça e o garçom passa o dia atravessando a rua com bandejas cheias de delícias da gelateria para a praça. O cardápio é cheio de opções e fica até difícil decidir, além de contar com um garçom simpático. A praça fica em frente aos Portões Gêmeos e ainda dá pra ver a Arena!

VistadavarandodoquartoHotelGalija.jpg
Vista da varanda do Hotel Galija

Como no dia seguinte seguiríamos cedo para Split, decidimos jantar no restaurante do próprio hotel (Restaurante Galija). Aliás, aqui foi o primeiro lugar que reparei nos preços dos lagostins. Se tiver oportunidade e vontade, comece degustando-os o mais longe possível de Dubrovnik. De Pula para Dubrovnik os preços duplicam! Como o restaurante do hotel não parecia muito bem conceituado fomos de pizza e lula recheada para não ter erro.

Como sair de Pula

Vou me estender um pouco pois tive bastante dificuldade na hora do planejamento, mas por fim, foi a melhor decisão que tomamos em toda a viagem. De Pula iríamos para Split, cidade distante 520 km. Seriam pelo menos 5 horas de carro e não estava em nossos planos alugar um carro (os motivos listamos em “Roteiro de viagem: 12 dias pela Croácia“). Para deslocamento entre cidades, uso muito o site Rome2Rio e ele indicava que havia um voo entre Pula e Split que poderia ser feito em pouco mais de 1 hora.

Não conhecia a cia aérea, mas resolvemos arriscar. Já estávamos em maio e faltava pouco mais de 1 mês para nossa viagem. Comprei passagens pela European Coastal Airlines e pronto. O que eu não atentei no site é que a cia aérea faz o transporte com hidroaviões! Saímos do hotel e rumamos para o aeroporto de Pula. Foram 150 kunas (20 euros – 80 reais – junho/2016). Chegando ao aeroporto (eram 9h da manhã) e cadê o pessoal?! Demoramos uns minutos até achar um guichê aberto onde conseguimos pedir informações. A atendente não sabia de que voo falávamos, já que a maioria dos voos chegavam apenas no período da tarde (por isso não tinha ninguém). Quando mostrei a passagem, ela pediu que voltássemos à cidade de Pula e procurássemos uma cabine localizada na Riva (área portuária). Mais 100 kunas (13 euros – 53 reais – junho/2016) de táxi (uma anedota que conto em “Modos e costumes: curiosidades sobre a Croácia e os croatas“) e voltamos à cidade de Pula.

Só entendemos o que era nosso voo quando chegamos à cabine da European Coastal Airlines: um avião que pousava e decolava do mar! Enfim, detalho a aventura no post “Pula a Split: nossa aventura num hidroavião“. Com certeza um dos pontos altos e memoráveis de nossa viagem pela Croácia. Veja um pouquinho da nossa aventura abaixo:

A lembrança que ficou foi de uma pequena cidade do interior, com pessoas que vivem a vida de maneira tranquila e gostosa. Excelente lugar para dar um respiro, relaxar e se preparar pelo que vem pela frente. Para saber em detalhes sobre nossos dias em Pula leia “Roteiro de viagem de 1 dia em Pula – Croácia” e “Roteiro de viagem detalhado por Pula – Croácia: 1 dia“.

Para quem quiser algo diferente, considere ler “E se a gente fosse… visitar o maior sítio arqueológico de Neandertais do mundo?” e dar uma esticadinha até Brijuni.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: